Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

ÍCONE

Quase um ano após sua morte, Carrie Fisher inspira nova coleção de bonecas

Quase um ano após sua morte, Carrie Fisher inspira nova coleção de bonecas
22/08/2017 14:23 - Folhapress


 

 A atriz Carrie Fisher morreu em 27 de dezembro de 2016, aos 60 anos, mas permanece eternizada na franquia "Star Wars".

Ela interpretou a Princesa Leia Organa na trilogia original ("Uma Nova Esperança", de 1977, "O Império Contra-Ataca", de 80, e "O Retorno de Jedi", de 83) e voltou a viver a personagem em 2015, em "O Despertar da Força".

No dia 14 de dezembro, Carrie estreia seu último filme como Leia em "Star Wars: Os Últimos Jedi". Sua participação já estava concluída quando morreu.

Pouco antes do filme, uma nova linha de bonecas de personagens de "Star Wars" será lançada; a coleção incluí modelos inspirados em Leia e nos traços da jovem Carrie -ela tinha 21 anos quando interpretou a personagem pela primeira vez.

A coleção deve chegar ao Brasil já em setembro com o nome "Forças do Destino", que inclui Leia, Rey (de "O Despertar da Força", interpretada por Daisy Ridley), Jyn Erson (de "Rogue One: Uma História Star Wars", interpretada por Felicity Jones) e ainda o alienígena Chewbacca.

As bonecas são estilo "fashion doll", que tem o tamanho de uma Barbie e cabelos realistas. Lançadas pela Hasbro, os preços variam entre R$ 299 e R$ 349.

Felpuda


Vereador de Campo Grande fez pronunciamento com forte teor preconceituoso que obviamente não agradou, principalmente as mulheres. A repercussão negativa foi grande e ele teve de ler cobras e lagartos em seu perfil nas redes sociais. Assim, correu para publicar nota de esclarecimento tentando colocar panos quentes e se comprometendo a, já na próxima sessão, solicitar a retirada de sua fala dos chamados “anais da Casa”. Também, pudera!