Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

ACIDENTE

Carro de Cristiano Araújo estava a 179 km/h, diz relatório

Carro de Cristiano Araújo estava a 179 km/h, diz relatório

31 AGO 15 - 15h:40O FUXICO

Nesta segunda-feira (31) foi divulgado um relatório técnico da Land Rover, fabricante da Range Rover, a respeito do acidente que matou o sertanejo Cristiano Araújo e sua namorada, Allana Moraes, de 19 anos, na BR-153, em Goiás. De acordo com o documento, o veículo estava a 179km/h.

Quem confirmou a informação ao OFuxico foi Norton Luiz Ferreira, delegado e chefe de comunicação da Polícia Civil de Goiás.

“O que saiu foi um parecer técnico da Land Rover, da Inglaterra, apontando que o carro desenvolvia 179 km por hora, cinco segundos antes dos airbags dispararem. Esse documento vai reforçar o conjunto de provas. Mas, não é o laudo oficial. Este último sairá daqui 15 a 20 dias”, contou o delegado.

Durante seu depoimento à polícia, Ronaldo Miranda, 40 anos, o motorista que conduzia o carro do sertanejo, confessou que estava acima da velocidade permitida na rodovia, porém, não soube dizer qual era o valor.

O acidente aconteceu na madrugada de 24 de junho, na BR-153, próximo a Morrinhos, em Goiás.

O delegado que está cuidando do caso, Fabiano Jacomellis, aguarda o laudo oficial para concluir o inquérito, já que todas as oitivias foram feitas, tanto de testemunhas do acidente, como do motorista e do empresário que estavam no veículo, de parentes e pessoas que tiveram acesso ao carro antes da viagem.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

REALEZA

Princesa Charlotte vai para a escola com George em setembro

TABUS

'Na cabeça dos caras, ser machista é passar a mão na bunda', diz Fabio Porchat

CULTURA

Bacurau, filme brasileiro, ganha prêmio no Festival de Cannes

Morre, no Rio, aos 84 anos, a atriz Lady Francisco
PERDA

Morre, no Rio, aos 84 anos, a atriz Lady Francisco

Mais Lidas