Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Assine a Newsletter

CHILE

Empresa lança bicicleta à prova de roubos

12 AGO 15 - 04h:00EXTRA

Uma start-up chilena garante ter lançado uma bicicleta ‘irroubável’, a Yerka. Os chilenos Cristóbal Cabello, de 22 anos, Andrés Roi Eggers, de 23 anos, e Juan José Monsalve, de 24 anos, inventaram um sistema integrado em que o veículo funciona como a própria tranca. A armação pode ser montada em volta de uma árvore ou poste, por exemplo, em 10 segundos.

Para levar a bike, bandidos teriam que cortar todo o quadro, que é feito de aço. Se conseguissem, além de terem em mãos um veículo inútil, teriam que encarar um novo impasse: quando o quadro não está na posição certa, outros mecanismos são bloqueados e, assim, torna-se impossível pedalar.

Os primeiros modelos foram vendidos por cerca de R$ 1.440, mas as próximas levas devem custar mais de R$ 2 mil, e já recebem encomendas de ciclistas do mundo todo. O objetivo dos empresários, que deixaram os estudos para se dedicar exclusivamente aos negócios, era criar uma bicicleta que não perdesse em conforto ao apostar em segurança, e que tivesse um design leve e bonito. Eles agora trabalham para aprimorar a bike, e uma vaquinha virtual coleta fundos para implementar a tecnologia bluetooth e, assim, trancar e destrancar o veículo usando o smartphone.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Quer saber o que mais foi pesquisado no Google em MS? Confira aqui!
GOOGLE BUSCAS

Quer saber o que mais foi pesquisado no Google em MS? Confira aqui!

Assinantes de TV paga receberão alertas de desastres naturais em MS
A PARTIR DE SEGUNDA

Assinantes de TV paga receberão alertas de desastres naturais em MS

LANÇAMENTO DE FOGUETES

Senado aprova acordo entre Brasil e EUA para utilização da base de Alcântara

NACIONAL

Semana de Ciência e Tecnologia termina hoje

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião