Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

SALDO POSITIVO

Setor agropecuário fecha 2018 com saldo positivo de 3,4 mil empregos

Dados foram divulgados pelo Ministério do Trabalho e Emprego
24/01/2019 17:47 - ALINE OLIVEIRA


 

Os dados do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) relativos ao ano de 2018 e divulgados na quarta-feira (23), apontam que o setor agropecuário terminou o ano com cenário positivo na geração de emprego.

Entre admitidos e demitidos, o saldo total foi de 77 postos de trabalho, com 35,7 mil contratações em Mato Grosso do Sul. No cenário nacional, o segmento também obteve resultados favoráveis, com 3.425 postos de trabalho, considerando mais de um milhão de admissões no segmento.

Para o presidente do Sistema Famasul – Federação da Agricultura e Pecuária de MS, Mauricio Saito, o resultado reflete as oportunidades que o agro oferece ao mercado de trabalho. 

“Em um ano de muitos desafios para a nossa economia, o setor produtivo se manteve em ascensão e empregou mão-de-obra no campo, com destaque às exigências por qualificação do trabalhador, diante do investimento em tecnologia na atividade rural”, observa. 

*Com informações da Ascom Famasul

 

Felpuda


As conversas vêm acontecendo muito, mas muito reservadamente mesmo, e dão conta de que suplente poderá receber convocação, assumir a titularidade do cargo e por lá ficar por tempo indeterminado. Como é óbvio, tem gente jurando que nunca ouviu nem sequer falar sobre o assunto. O motivo não seria nada ligado a possíveis atos de irregularidades, mas sim por problemas de ordem pessoal.