Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Correio Rural

Produtor rural espera chuva para
semear soja em Mato Grosso do Sul

Previsão dos técnicos é de que oleaginosa ocupe área 3% maior nesta safra de verão, no Estado

18 SET 17 - 08h:06Rosana Siqueira

Com previsão de ocupar 2,59 milhões de hectares neste ano, o plantio da soja está sendo lançado oficialmente hoje, em Ponta Porã, que é a segunda maior cidade produtora do grão no Estado. O evento é uma iniciativa da Associação dos Produtores de Soja de Mato Grosso do Sul (Aprosoja/MS) e ocorre na Fazenda Jotabasso. No entanto, apesar do lançamento oficial, sem indício de chuvas, os produtores rurais apenas fazem o preparo da terra e esperam melhora no clima para iniciar a semeadura da oleaginosa.

A previsão é de que a área seja ampliada em 3% para o ciclo 2017/2018. Neste ano, a soja teve produção de 8,5 milhões de toneladas, em uma área cultivada de 2,52 milhões de hectares, de acordo com informações da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). A produção do grão teve crescimento de 18,4% diante da safra anterior, de 7,2 milhões de toneladas. Já a produtividade da soja avançou 14,1%, passando de 2.980 kg/ha para 3.400 kg/ha.

Espera
Para o analista da Granos Corretora Jorge Filho, a safra começa com atraso diante da seca no Estado. “Nenhum produtor planta no pó e, por isso, [eles] vão esperar a chuva para iniciar a semeadura. Ou seja, a safra já começou atrasada” adiantou.

Reportagem completa está na edição de hoje do Correio Rural. Clique aqui para conferir.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Agricultores contabilizam prejuízos nas lavouras de Mato Grosso do Sul
GEADAS MS

Agricultores contabilizam prejuízos nas lavouras de MS

Projeto com foco na agricultura familiar receberá US$ 400 mil
APOIO INTERNACIONAL

Projeto com foco na agricultura familiar receberá US$ 400 mil

Exportações nacionais crescem 60% em relação a safra passada
ALGODÃO EM ALTA

Exportações nacionais crescem 60% em relação a safra passada

Comercialização de carne bovina cresce 60% em MS
1º SEMESTRE

Comercialização de carne bovina cresce 60% em MS

Mais Lidas