Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

COMÉRCIO EXTERIOR

Exportações do setor florestal
ultrapassam US$7,7 bilhões

Cenário positivo para MS, que é o 3º produtor de florestas plantadas

21 DEZ 17 - 19h:45ALINE OLIVEIRA

As exportações brasileiras no setor  florestal registraram um crescimento de 11,4% com relação ao mesmo período de 2016 (janeiro a novembro), somando US$ 7,7 bilhões. Com destaque para produtos como celulose, papel e painéis de madeira, a informação divulgada nesta quinta-feira (21), pela Indústria Brasileira de Árvores (Ibá) reforça a posição de destaque de Mato Grosso do Sul: 3º maior produtor nacional de eucaliptos.

O plantio da espécie ocupa atualmente 5,7 milhões de hectares da área de árvores plantadas do Brasil, localizados principalmente: em Minas Gerais (24%), em São Paulo (17%) e no Mato Grosso do Sul (15%). Segundo o Relatório Anual divulgado pela instituição, nos últimos cinco anos, o Estado tem liderado a expansão com aumento de 400 mil hectares ou 13%. 

Economicamente falando, este ano, as exportações sul-mato-grossenses de produtos florestais (31,3%) só ficaram atrás do complexo soja (36,17%), viabilizadas pelo desenvolvimento da costa Leste do Estado.

DESTINO DAS EXPORTAÇÕES

 No acumulado de janeiro a novembro deste ano, a China se manteve como principal destino da celulose produzida pelo Brasil com 39,2% de participação, representando uma receita de US$ 2,25 bilhões (+17,9%). O segundo maior destino da celulose foram os países europeus, que detiveram, neste período, uma fatia de 31,8% das exportações, com mais de US$ 1,8 bilhão (+9,5%).

Os países latino-americanos foram os principais mercados dos segmentos de papel e de painéis de madeira até novembro. As receitas de exportações de papel somaram US$ 1,14 bilhão para a América Latina, um crescimento de 11%. Esse destino representou US$ 139 milhões das exportações de painéis de madeira no período, o que representou um crescimento de 14,9%.

O mercado de painéis de madeira viu um crescimento significativo de vendas para Ásia e Oceania, que cresceu 83,3% até novembro na comparação com o mesmo período de 2016.

VENDAS DOMÉSTICAS

O segmento de painéis de madeira registrou vendas de 5,9 milhões metros cúbicos no mercado interno, um crescimento de 3,7% no acumulado do ano. Com a venda de 5,0 milhões de toneladas, o segmento de papel cresceu 0,4% no mercado interno, com destaque para os produtos Tissue, que cresceu 4,4%, e Papelcartão, com aumento de 2,6%.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Mato Grosso do Sul é o 6º com maior taxa de crescimento do PIB do país
CRESCIMENTO

MS é o 6º com maior taxa de crescimento do PIB do país

Após um mês de lançamento, projeto de hortas urbanas já comercializa produção
AGRICULTURA FAMILIAR

Após um mês de lançamento, projeto de hortas urbanas já comercializa produção

Acesso à internet cresce 1900% na zona rural, aponta IBGE
TECNOLOGIA

Acesso à internet cresce 1900% na zona rural, aponta IBGE

Chineses devem abrir quatro usinas de açúcar no Brasil
AGRONEGÓCIO

Chineses devem abrir quatro usinas de açúcar no Brasil

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião