Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

AGRICULTURA MS

Especialistas apresentam opções de híbrido para cultura de milho

Evento realizado pela Fundação MS acontecerá em Maracaju

28 MAI 19 - 16h:33ALINE OLIVEIRA

Os agricultores de Mato Grosso do Sul terão oportunidade de conhecer o desempenho de 69 sementes híbridas de milho, durante evento realizado nesta quarta-feira (29), em Maracaju, pela Fundação MS. 

De acordo com o pesquisador em  fitotecnia de milho da Fundação, André Lourenção, o encontro é uma oportunidade para que o produtor tenha subsídios para adquirir materiais que melhor se adaptem às condições de sua propriedade, podendo, ainda, comparar as produtividades da cultura com resultados de anos passados. 

"Vamos falar do desempenho dessas tecnologias e mostrar a arquitetura das plantas, a qualidade da espiga e, posteriormente, será possível verificar o resultado final na colheita. A combinação dos híbridos é essencial para o bom desempenho nas lavouras", explica.

Além disso, os participantes poderão sanar dúvidas a sobre adubação nitrogenada em milho safrinha, por meio da palestra realizada pelo pesquisador de manejo e fertilidade do solo, Douglas Gitti. Serão esclarecidas questões sobre a nutrição das plantas, investimentos em adubação e época ideal para aplicação. O intuito é observar a resposta dos híbridos ao nitrogênio no sulco de semeadura em áreas com adubação de sistema.

Também serão expostas aos participantes informações sobre culturas que servem como alternativa ao milho durante o período outono/inverno, também conhecidas como culturas de cobertura, e que podem auxiliar na estabilidade da atividade produtiva. Entre elas, estão o trigo mourisco, crotalaria ochroleuca, crotalaria spectabilis, nabo forrageiro, guandu, braquiária brizantha, milheto e aveia branca.

Em relação às questões fitossanitárias, o pesquisador de fitossanidade, José Fernando Grigolli, abordará o "enfezamento", patologia que ainda não está muito bem diagnosticada no Estado, mas que já é alvo de estudos para que os produtores possam se prevenir e evitar prejuízos nas plantações. 

O inseto transmissor dessa doença é a cigarrinha, logo, serão exploradas dicas para detectar esse inseto, bem como os sintomas causados. Opções de fungicidas também entrarão em pauta, com resultados de ensaios que trazem tratamentos e produtos para mostrar como é feito o controle de doenças na cultura do milho.

SERVIÇO

O Dia de Campo na Fazenda Alegria, em Maracaju, será realizado das 7h às 12h, com entrada gratuita. 

*Com informações da Assessoria de Imprensa

 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Melhoramento genético é proposta para elevar qualidade do rebanho
PECUÁRIA DE CORTE

Melhoramento genético é proposta para elevar qualidade do rebanho

Produtores rurais de MS precisam atualizar cadastro para ter desconto
ELETRIFICAÇÃO RURAL

Produtores rurais de MS precisam atualizar cadastro

CORREIO RURAL

Safra de grãos 2018/19 deve ser recorde de 238,9 milhões de toneladas, diz Conab

Produtores rurais contrataram R$ 158,7 bilhões em financiamento
PLANO SAFRA

Produtores rurais contrataram R$ 158,7 bilhões em crédito

Mais Lidas