Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

AGRICULTURA

Aplicativo auxilia manejo de agricultor que cultiva erva-mate

Software foi idealizado pela Embrapa Florestas do Paraná
23/06/2019 18:02 - ALINE OLIVEIRA


 

O agricultor que atua no cultivo de ervais terá mais uma opção de informação e tecnologia, para auxiliar no manejo da cultura. Trata-se de um aplicativo desenvolvido pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa Florestas), no estado do Paraná, com o nome "Manejo Matte". 

Conforme informado pela instituição,  o aplicativo está disponível para dispositivos com sistema operacional Android, por oferecer uma tecnologia de fácil operação. O produtor escolhe um talhão do erval e responde a perguntas objetivas e o programa gera um diagnóstico e indica soluções para melhorar o potencial produtivo da cultura.

A base de análise do aplicativo é o Sistema Erva 20, um conjunto de práticas em ervais plantados que visam ao aumento da eficiência e sustentabilidade do cultivo de erva-mate. 

A adoção de melhorias no sistema de produção é capaz de incrementar a produtividade e aumentar a qualidade dos plantios por meio de boas práticas do dia a dia como plantio, poda, adubação, controle de plantas daninhas, renovação do erval entre outras.

“O Manejo-Matte vem, justamente, como um apoio ao produtor rural para melhorar o seu sistema de produção”, explica o engenheiro-agrônomo e analista da Embrapa Florestas (PR) Ives Goulart, que coordena o projeto “Disponibilização e inserção de tecnologias do Sistema Erva 20”. 

Esse sistema foi concebido a partir da organização de tecnologias e práticas de manejo desenvolvidas pela Embrapa Florestas e parceiros durante os últimos 30 anos.

Como funciona o aplicativo

O produtor responde a 40 questões sobre seu erval, subdivididas em seis tópicos. Para cada questão, há respostas de múltipla escolha, como, por exemplo: “Características das folhas das mudas: folhas descoloridas ou com muitos danos devido a pragas e doenças / mudas com folhas descoloridas, possivelmente por deficiência de nutrientes / mudas com folhas sadias.”

Ao terminar a análise, o aplicativo gera um gráfico de fácil visualização e interpretação, e um relatório, que apontam como está o manejo do erval. O relatório traz, para cada tópico, informações e orientações de como proceder, de acordo com o Sistema Erva 20. Dessa forma, o produtor consegue identificar gargalos e pontos a melhorar dentro dos seis tópicos, e também já recebe imediatamente a orientação sobre como adequar e melhorar a forma de conduzir seu erval.

O diagnóstico pode ser baixado, compartilhado ou enviado por e-mail a partir do próprio aplicativo. Com o diagnóstico, o produtor também acessa o link para o Manual do Sistema Erva 20, com mais informações e orientações técnicas.

“Ou seja, procuramos desenvolver uma ferramenta efetiva em apontar erros e já mostrar as soluções possíveis”, relata Goulart.

Com a orientação adequada e uso das tecnologias corretas, é possível fazer novos diagnósticos e acompanhar a evolução do erval com a adoção das medidas orientadas pelo Erva 20.

*Com informações da Ascom Embrapa Florestas

Felpuda


As conversas vêm acontecendo muito, mas muito reservadamente mesmo, e dão conta de que suplente poderá receber convocação, assumir a titularidade do cargo e por lá ficar por tempo indeterminado. Como é óbvio, tem gente jurando que nunca ouviu nem sequer falar sobre o assunto. O motivo não seria nada ligado a possíveis atos de irregularidades, mas sim por problemas de ordem pessoal.