Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

POLÍTICA

STF concede prazo de 15 dias para defesa de Cunha e Collor

Cunha recebeu US$ 5 milhões de propina e Collor recebeu R$ 26 milhões, segundo denúncia

21 AGO 15 - 20h:00AGENCIA BRASIL

O Supremo Tribunal Federal (STF) determinou hoje (21) a notificação do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), e do senador Fernando Collor (PTB-AL) para apresentarem defesa em 15 dias. Os parlamentares foram denunciados ontem (20) pela Procuradoria-Geral da República (PGR).

De acordo com a denúncia, Eduardo Cunha recebeu US$ 5 milhões para viabilizar a contratação, em 2006 e 2007, de dois navios-sonda pela Petrobras com o estaleiro Samsung Heavy Industries. O negócio foi formalizado sem licitação e ocorreu por intermediação do empresário Fernando Soares, conhecido como Fernando Baiano, que está preso há nove meses em Curitiba.

No caso de Collor, as investigações indicam que o parlamentar recebeu cerca de R$ 26 milhões de propina em contratos da BR Distribuidora, subsidiária da Petrobras.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

CRISE PLANALTO

Assessor de Bolsonaro recebeu R$ 92 mil sem nunca ter pisado na Câmara

INVESTIGAÇÃO PLANALTO

Alvo de quebra de sigilo de Flávio Bolsonaro é assessor de Mourão

AVIAÇÃO

Bolsonaro comemora entrada de empresa aérea europeia no Brasil

Grupo Globalia, da AirEuropa, será o 1º a operar no mercado nacional
Vereadores visitam eleição do PSD e podem fazer filiação em massa
ELEIÇÕES 2020

Vereadores visitam PSD e podem fazer filiação em massa

Mais Lidas