Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

ELEIÇÕES 2020

Sem assinaturas suficientes, partido de Bolsonaro está fora das eleições

Prazo legal para que os partidos que vão disputar as eleições estejam registrados na Justiça Eleitoral terminou
08/04/2020 20:46 - Da Redação


Presidente Jair Bolsonaro e apoiadores não conseguiram validar assinaturas suficientes para fundar o partido Aliança pelo Brasil e a sigla está fora das eleições municipais deste ano, prevista para o dia 4 de outubro. Prazo para que partidos que vão disputas as eleições estejam registrados na Justiça Eleitoral terminou no último sábado (4).

Por conta da pandemia do coronavírus, possibilidade de adiamento das eleições está em discussão. Atualmente, não há consenso no Congresso ou no Judiciário sobre o adiamento das eleições, mas caso se concretize o adiamento, presidente terá mais tempo para a criação do novo partido. 

Proibido de apresentar candidatos próprios, secretário-geral do partido, Admar Gonzaga, afirmou ao Uol que a cúpula do partido nunca anunciou que disputaria as eleições deste ano. Ele afirmou ainda que o Aliança conseguiu reunir o número de apoiamentos suficiente, mas não houve tempo para que os cartórios eleitorais validassem as assinaturas. 

Para a criação do partido, são necessários, no mímino, 492 mil assinaturas distribuídas em pelo menos nove estados. A Lei das Eleições exige que os partidos estejam registrados no TSE a pelo menos seis meses antes da eleição.

Felpuda


Sindicalista defende o fim de mordomias e privilégios dos políticos e dos integrantes de outros Poderes, conforme divulgação feita por sua assessoria. Para ele, está na hora de se colocar um basta nessa situação, questionando, inclusive, o número de parlamentares e de assessores. Entretanto, não demonstra a mesma aversão por aqueles dirigentes de sindicatos que se perpetuam no poder e que comandam mais de uma entidade, assim como ele. Afinal, o exemplo deve vir de casa, né?