Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Assine a Newsletter

SALIM-MATTAR

Secretário diz que Vale não deve ser 'demonizada' e fala em 'reprivatizar' empresa

Para ele, os responsáveis devem responder no seu CPF

13 FEV 19 - 13h:15FOLHAPRESS

 Secretário especial de desestatização, Salim Mattar, responsável por tocar a agenda de privatizações do ministro Paulo Guedes (Economia), disse que a Vale será "reprivatizada" no governo Jair Bolsonaro.
"A Vale foi privatizada, certo? Não, a Vale não foi privatizada, a Vale é uma estatal" afirmou.

"Fundos de pensão, patrocinados pelo Estado, detêm o controle da Vale. Estamos aqui para privatizar, para reprivatizar a Vale".

Salim defendeu evitar "demonizar" a empresa no caso de Brumadinho. Para ele, os responsáveis devem responder no seu CPF, mas a empresa tem que ser preservada para manter empregos e a arrecadação de impostos.

Ele disse que fez a mesma defesa da Samarco no caso de Mariana.

"Um ou dois aviões caem por ano e morrem 120, 130 pessoas. Pede-se que a diretoria da empresa caia ou se demoniza a companhia?", disse. "Em Brumadinho, caíram dois aviões, como seria o tratamento de uma companhia aérea e como estamos tratando a Vale?"

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Em ato de filiação de prefeita, Delcídio anuncia pré-candidatura ao governo em 2022
ELEIÇÕES

Em ato de filiação de prefeita, Delcídio diz que vai disputar governo em 2022

"Um companheiro de vida", diz viúva de Juvêncio durante velório
DESPEDIDA

"Um companheiro de vida", diz viúva de Juvêncio durante velório

Juvêncio seria homenageado pela Câmara Municipal na segunda-feira
LUTO

Juvêncio seria homenageado pela Câmara Municipal na segunda-feira

Nova direção do PT quer eleger até dez prefeitos em 2020
ELEIÇÕES 2020

Nova direção do PT quer eleger até dez prefeitos em 2020

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião