Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

PARA PREFEITO DE CAMPO GRANDE

Se Rose não aceitar, PP
vai apostar em Coronel David

Convite será avaliado pelo deputado do PSL

10 SET 19 - 15h:18IZABELA JORNADA

Deputado Evander Vendramini (PP) declarou que se a deputada federal Rose Modesto (PSDB) não aceitar o convite para ser presidente da sigla nacional e ser candidata à prefeita de Campo Grande, nas eleições de 2020, a segunda opção para candidato a líder do Executivo municipal será o deputado Coronel David (PSL), segundo parlamentar mais bem votado em 2018.

Vendramini disse que convite também será feito para o deputado federal Luiz Ovando (PSL). “A nacional quer um deputado federal”, para liderar a sigla em MS, declarou Vendramini.

Em contrapartida, Coronel David adiantou que tem recebido muitos convites de outros partidos como o DEM, PSC e PTB, mas que qualquer decisão só será tomada depois de conversar com o presidente da República Jair Bolsonaro (PSL). “Sou leal, foi ele que me elegeu, foi o nome do Bolsonaro que elegeu todos nós do PSL”, declarou.

Coronel David reconhece que os desgastes que teve com a presidente do partido estadual, deputada federal Soraya Tronicke, foi o ponto de partida para que demais siglas fizessem o convite a ele. “Todos sabem do meu desconforto”, lembrou o parlamentar, ao citar discussão que aconteceu quando Soraya, de acordo com David, não reconheceu o potencial do parlamentar, bem como não o valorizou por ele ser um dos precursores do PSL, principalmente no Estado.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Simone diz que Reforma tributária deve ser votada em 2 de outubro
CCJ DO SENADO

Simone diz que Reforma tributária deve ser votada em 2 de outubro

BRASIL

Denunciado no caso Marielle fez carreira política na periferia do Rio

Antes de deixar cargo, Dodge pede suspensão dos decretos das armas
BRASIL

Antes de deixar cargo, Dodge pede suspensão dos decretos das armas

Deputada do PSL cria campanha para Bolsonaro não ir à ONU
POLÍTICA

Deputada do PSL cria campanha para Bolsonaro não ir à ONU

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião