Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

pautado

Reforma política começa a ser votada
em plenário nesta quarta-feira

15 AGO 17 - 18h:07FOLHAPRESS

De olho no calendário apertado para que as regras já passem a valer em 2018, deputados querem levar a PEC (proposta de emenda à Constituição) da reforma política ao plenário da Câmara já nesta quarta-feira (16).

A votação do texto na comissão especial que analisa o assunto foi concluída nesta terça-feira (15).

A proposta só deveria ir a plenário na semana que vem, mas, em reunião com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), líderes partidários resolveram antecipar a votação.

Eles temem que, como o tema é polêmico, não haja tempo suficiente para que a proposta seja votada em dois turnos na Câmara e siga para as duas votações em plenário. Se houver modificações no Senado, é preciso que o texto volte à Câmara.

Além desta PEC, ainda é preciso levar a plenário a regulamentação de alguns trechos, o que está em discussão em comissão especial nesta tarde, e um outro texto, que trata de fim de coligações e cláusula de desempenho.

A PEC

Na semana passada, a comissão havia aprovado a criação de mais um fundo público para financiar candidatos, de R$ 3,6 bilhões, além da mudança do atual modelo de eleição dos deputados para o chamado "distritão", em que são eleitos os mais votados.

Nesta terça, deputados rejeitaram de forma simbólica (sem registro nominal de votos) todas as três tentativas de alteração do texto votado na semana passada.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

POLÊMICO

Carlos Bolsonaro volta ao Twitter após período 'sabático' nas redes

Afastamento foi recomendado pelos advogados por conta dos trabalhos da CPI das Fake News
GOVERNO

Senado pode votar Pacote Anticrime ainda neste ano

Senadores tentam um acordo para conseguir votar
Melhora da economia interrompe perda de popularidade de Bolsonaro
DATAFOLHA

Melhora da economia interrompe perda de popularidade de Bolsonaro

PROJETO DE LEI

Deputado quer proibir
uso de chicote em animais

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião