Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

ELEIÇÕES 2018

PSOL confirma candidato ao governo
e define nome para disputa ao Senado

João Alfredo e Diná Freitas compõem chapa ao Executivo estadual

5 AGO 18 - 16h:24JONES MÁRIO

O Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) confirmou a candidatura do advogado João Alfredo ao governo de Mato Grosso do Sul na manhã deste domingo (5), em convenção estadual eleitoral realizada em um hotel da Vila Progresso, em Campo Grande. A candidata à vice-governadora será a trabalhadora rural Osvaldina Freitas, a “Diná”.

Como tem sido praxe no Estado, o partido optou pela chapa “pura”, ou seja, não costurou alianças com nenhuma outra sigla.

Segundo Alfredo, sua candidatura havia sido aprovada em outubro do ano passado, durante congresso do partido.

“Vamos nos atentar para todas as pautas programáticas do PSOL, com prioridade na educação. Valorizar o professor, melhorar a infraestrutura das escolas da rede estadual, a merenda escolar, e fazer Mato Grosso do Sul despontar com um dos melhores índices do Ideb [Índice de Desenvolvimento da Educação Básica] do Brasil”, prometeu.

Paulista de Auriflama (SP), João Alfredo tem 55 anos e especialização em direito público e empresarial. O candidato pelo PSOL foi vice-prefeito de Ribas do Rio Pardo durante um ano e oito meses, mas renunciou em 2010 por, segundo ele, discordar da conduta do então prefeito.

SENADO

O nome para concorrer a uma vaga ao Senado Federal pelo PSOL também saiu somente durante a convenção. Os filiados optaram por lançar um único candidato e precisaram escolher entre Anísio Guató e Rosana Santos. O primeiro foi o preferido, enquanto a segunda disputará uma vaga na Assembleia Legislativa.

Além de governo e senado, o PSOL confirmou seis candidatos à deputado federal e 13 à deputado estadual. 

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Deputado do PSL-MS tirou apoio a Eduardo Bolsonaro
LIDERANÇA NA CÂMARA

Deputado do PSL-MS tirou apoio a Eduardo Bolsonaro

'Vou implodir o presidente', diz líder do PSL na Câmara; Ouça o áudio
CRISE NO PARTIDO

'Vou implodir o presidente', diz líder do PSL na Câmara; Ouça o áudio

BRASIL

Desembargador do TRE-MG proíbe novos inquéritos contra ministro do Turismo

BRASIL

Governo quer criar ou extinguir órgãos sem precisar de aval do Congresso

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião