Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, segunda, 19 de novembro de 2018

quadrilhão

Procuradoria-Geral da República
denuncia políticos do PP na Lava Jato

2 SET 2017Por FOLHAPRESS09h:32

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, denunciou nesta sexta (1º) políticos do PP em um dos inquéritos da Lava Jato.

A denúncia é sigilosa. De acordo com uma pessoa a par do assunto, a acusação contém informações da delação premiada do ex-deputado e ex-presidente do partido Pedro Corrêa (PE).

A reportagem confirmou que Janot pediu para arquivar a parte relativa a alguns dos investigados.

O inquérito foi aberto após a primeira "lista de Janot", com o objetivo de apurar se um grupo de políticos do partido atuou na Petrobras para se beneficiar de esquema de corrupção. Chamado de "quadrilhão", a investigação mira um dos núcleos políticos da estatal.

A investigação foi aberta em março de 2015 e focava em 66 políticos filiados a diferentes partidos.

Depois, esse inquérito foi fatiado e, a partir dele, foram abertos outros três: um para apurar políticos do PT, um com foco no PMDB da Câmara e outro no PMDB do Senado. Todos estão em fase de conclusão, apurou a reportagem.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também