Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

POLÍTICA

“Nem Rose e nem Beto”, diz Marçal sobre presidência do PSDB

Sem consenso, outro nome deve assumir a sigla em MS

16 ABR 19 - 12h:31YARIMA MECCHI

A disputa pela presidência do PSDB em Mato Grosso do Sul pode acabar de uma maneira que não contemple os deputados federais Rose Modesto e Beto Pereira. Conforme informado pelo deputado estadual Marçal Filho, extra-oficialmente, um terceiro nome foi decidido em consenso para assumir p ninho tucano. 

Na manhã desta terça-feira (16) o parlamentar adiantou que o partido definiu que não será nenhum dos dois federais. O partido tradicionalmente busca o consenso e como nenhum dos nomes cedeu na disputa e diretoria decidiu. 

“Não será nem um e nem outro, para não sobrar arestas”, destacou. 

O possível nome que deve assumir o presidência do PSDB é do governador Reinaldo Azambuja (PSDB). Lideranças do partido já haviam dito anteriormente que o nome do chefe do executivo foi cogitado caso não houvesse consenso. 

Azambuja já declarou que não indicou seu nome para presidir o partido, porém se fosse para evitar possíveis rachaduras ele estaria à disposição da agremiação.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

BRASIL

Para ministro, não pode haver 'precipitação' nas privatizações

ECONOMIA

Plano de privatizações de Guedes esbarra em resistência nos ministérios

BRASIL

Congresso impõe agenda própria a Bolsonaro

BRASIL

Documento revela 187 pagamentos da Odebrecht

Mais Lidas