domingo, 22 de julho de 2018

Presidente

Marquinhos Trad é aposta do PSD para prefeito, diz Kassab

Partido aguarda posicionamento de mudança de Tereza Cristina e Fábio Trad

10 AGO 2015Por KLEBER CLAJUS13h:05

A ideia de ter o deputado estadual Marquinhos Trad (PMDB) na Prefeitura de Campo Grande foi reafirmada, nesta segunda-feira (10), pelo fundador do PSD e ministro das Cidades, Gilberto Kassab. O partido também aguarda resposta de convites de filiação feitos a deputada federal Tereza Cristina (PSB) e o suplente Fábio Trad (sem partido).

“Estou afastado, mas a gente sabe das coisas e fica uma expectativa muito grande que o PSD tenha no deputado Marcos Trad o seu candidato como prefeito”, admitiu Kassab, depois da entrega de 688 unidades habitacionais do Minha Casa, Minha Vida no bairro Caiobá II.

Tereza Cristina e Fábio Trad também são cotados para assumir liderança na estrutura regional, porém Kassab entende ser pouco provável que o trio se filie simultaneamente. Ele deseja, no entanto, que “sejam muito felizes onde ficarem e tenham boa sorte”, caso não efetivem negociação para mudança.

TROCA DE COMANDO

Em julho, o PSD de Mato Grosso do Sul teve alteração em seu comando. O fundador, ex-senador e sócio-proprietário do Grupo Correio do Estado, Antonio João Hugo Rodrigues, deixou a legenda para dedicar-se a família e empresa. Assumiu, então, o advogado Antonio Cezar Lacerda Alves que atua no escritório dos irmãos Marquinhos e Fábio Trad. 

“Ele mesmo [Antonio João], há um ano atrás quis colocar o cargo à disposição, mas fiz um apelo para que continuasse a frente do partido e ele atendeu. Tenho muito respeito por ele e seu trabalho no Estado, pelo exemplo e competência com que toca os seus meios de comunicação. É um grande político”, relembrou Kassab, ao pontuar que o novo presidente passou a ser “provisório e sujeito a aprovação da direção nacional” por não se ter eleito nenhum deputado federal pelo Estado em 2014.

Leia Também