Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

DOURADOS

Em sessão, Câmara mantêm investigação para cassar vereadores

Parlamentares rejeitaram relatórios

13 MAR 19 - 09h:54IZABELA JORNADA

Comissão Processante que analisam os pedidos de cassação dos vereadores afastados da Câmara Municipal de Dourados, Idenor Machado e Denize Portolann darão prosseguimento às investigações. A decisão ocorreu após votação durante a sessão ordinária da última terça-feira (12), por unanimidade.

O vereador Junior Rodrigues (PR) leu relatório prévio da denúncia 146, de Idenor Machado. Durante a votação, dos 19 vereadores, dois estavam impedidos de declarar voto, Toninho Cruz (PSB) e Marinisa Mizoguchi (PSB), e 17 parlamentares que votaram não aprovaram o relatório, resultando em prosseguimento das investigações na Casa de Leis.

De acordo com informações da Câmara Municipal de Dourados, em relação a denúncia 150, de Denize Portolann, o vereador Maurício Lemes (PSB) leu o relatório prévio da denúncia e, em seguida, foi realizada a votação com 18 votos pelo prosseguimento, tendo um impedimento, vereadora Lia Nogueira (PR).

A partir desta decisão, o presidente de cada comissão processante designará o início da instrução e determinará os atos, diligências e audiências que se fizerem necessários.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

BRASIL

Prisão de Temer é importante para amadurecimento da democracia, diz Mourão

BRASIL

TRF-2 definirá recursos de Temer e Moreira na próxima semana

BRASIL

Prisão de Moreira Franco teve ajuda de advogado de voo e de taxista na rua

BRASIL

Presos, repressores da ditadura de Pinochet pedem encontro com Bolsonaro

Mais Lidas