Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, segunda, 19 de novembro de 2018

apuração da denúncia

Azambuja defende investigações
de Temer e de outros políticos

Ele foi contra afastamento do presidente, mas não contra arquivamento da denúncia

5 AGO 2017Por DA REDAÇÃO06h:30

Apesar de defender a permanência de Michel Temer (PMDB) na Presidência da República, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) disse, nesta sexta, ser contra o arquivamento de investigações.

“Todas devem prosseguir, inclusive a do presidente”, destacou. A declaração do governador ocorreu no Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo, durante a 4ª Reunião do Fórum de Governadores do Brasil Central.

Contrário ao afastamento, no momento, de Michel Temer do governo federal, Azambuja afirmou que não é porque os deputados federais decidiram votar contra o seguimento da denúncia da Procuradoria-Geral da República (PGR) para o Supremo Tribunal Federal (STF) que as investigações sobre o presidente devem ser “enterradas”. 

“No momento, precisamos que o País prossiga com a retomada do crescimento, do investimento e da geração de emprego. Precisamos de uma pauta positiva”, defendeu Azambuja.

O posicionamento dele é parecido com a justificativa dada por vários parlamentares que votaram a favor de Temer na quarta-feira.

*Leia reportagem, de Tavane Ferraresi, na edição deste sábado/domingo no jornal Correio do Estado.

 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também