Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Convenção municipal

André se coloca à disposição
do PMDB para ser candidato

Retorno de ex-governador à política foi tema central de reunião

21 AGO 17 - 05h:00Gabriela Couto

A convenção municipal do PMDB serviu para mostrar para o ex-governador André Puccinelli o desejo da cúpula e dos correligionários para ter seu nome como candidato a governo no ano que vem. Ainda sem confirmar sua participação no pleito ele reforçou que a sigla deve ter candidata ou candidato e que o partido pode contar com ele “como cidadão, filiado ou eventualmente como candidato”. 

Com gritos de “volta, volta, volta”, ele ainda recitou uma frase do ex-governador e primeiro presidente da legenda no Estado, Wilson Barbosa Martins. “Às vezes eu que já estava vovorista, talvez pense em deixar de ser vovorista. Como dizia o Wilson a gente entra na política pelos amigos e não sai pelos adversários”, reforçou.

Ele ainda desabafou sobre os ataques que tem sofrido da atual administração sem citar nomes. Disse que tem provas de que deixou dinheiro em caixa para conclusão de todas as obras de sua gestão. “Não precisamos fazer como alguns fazem e destratara os adversários. Da nossa parte sempre houve postura ética".

Reportagem completa está na edição de hoje do Correio do Estado.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

BRASIL

Mansueto: mesmo com reforma, governo não retomará investimentos por 3 ou 4 anos

“Quem anda com arma ou é polícia ou é bandido”, diz parlamentar
CONGRESSO

“Quem anda com arma é polícia ou bandido”, diz deputado

BRASIL

'Se for verdade, ultrapassou o limite ético', diz Alcolumbre sobre Sergio Moro

BRASIL

Celso de Mello deve decidir destino de Lula e Moro

Mais Lidas