Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

POLÍTICA

Advogados de Cunha pedem mais tempo para apresentar defesa

Defesa pediu mais 15 dias para o Supremo Tribunal Federal

31 AGO 15 - 21h:00AGENCIA BRASIL

A defesa do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), pediu hoje (31) mais 15 dias para apresentar defesa ao Supremo Tribunal Federal (STF). Há duas semanas, Cunha foi denunciado por corrupção e lavagem de dinheiro na Operação Lava Jato.

Desde a semana passada, quando o deputado foi notificado sobre a apresentação da denúncia, os advogados têm 15 dias para enviar a manifestação, prazo que termina no dia 9 de setembro. No entanto, a defesa pediu mais 15 dias, alegando que o Ministério Público deixou de juntar documentos da investigação e precisa analisá-los.

Segundo o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, Eduardo Cunha recebeu US$ 5 milhões para viabilizar a contratação de dois navios-sonda pela Petrobras, junto ao estaleiro Samsung Heavy Industries em 2006 e 2007. O negócio foi formalizado sem licitação e ocorreu com intermediação do empresário Fernando Soares, conhecido como Fernando Baiano, que está preso há nove meses em Curitiba, e do ex-diretor da Área Internacional da Petrobras Nestor Cerveró. Todos são investigados pela Operação Lava Jato, da Polícia Federal.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Projeto 'Fronteira do Futuro' receberá US$ 25 milhões do Fonplata
PONTA PORÃ

Projeto 'Fronteira do Futuro' receberá US$ 25 milhões

BRASIL

Bolsonaro quer definir porte de arma e posse rural ampliada

BRASIL

Perfil em jornal japonês cita fala de Bolsonaro de que seu cargo é missão de Deus

BRASIL

Relator do abuso de autoridade no Senado flexibiliza texto após críticas

Mais Lidas