VIOLÊNCIA

Professor fica gravemente ferido após agressão durante assalto

Vítima teria negado entregar as chaves do carro aos bandidos
14/09/2019 13:40 - SÚZAN BENITES


 

Professor, de 30 anos, foi agredido no início da madrugada deste sábado (14) e teve o carro roubado por criminosos em Nova Alvorada do Sul. A vítima ficou com o rosto desfigurado devido às agressões.

A vítima teria sido abordado em seu veículo por duas pessoas que anunciaram o assalto,no bairro Maria de Lourdes, uma delas estaria portando uma arma de fogo. Conforme informações do Nova Alvorada News, o professor teria se negado a entregar as chaves do veículo e foi agredido por um dos criminosos.

O assaltante teria usado um revólver para desferir coronhadas no rosto, nuca e cabeça da vítima. Após conseguir fugir, o professor conseguiu chegar à Secretaria Municipal de Educação, que fica próxima ao local e pedir ajuda a um vigia que trabalha no local.

O Corpo de bombeiros foi acionado, realizou os primeiros atendimentos e encaminhou Soares ao Hospital municipal. De acordo com a Polícia Militar, o autor já foi identificado e a polícia trabalha para localizar o suspeito e recuperar o veículo.

A vítima será transferida a um Hospital de Campo Grande devido a gravidade dos ferimentos.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".