Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

OPERAÇÃO POLICIAL

Bombeiros e polícia caçam suspeito nas galerias do Córrego Maracaju

Operação policial na antiga rodoviária transformou-se em perseguição em galerias do centro
01/11/2019 11:41 - EDUARDO MIRANDA E RICARDO CAMPOS JR.


 

A fuga de um dos frequentadores da antiga rodoviária de Campo Grande de uma operação de rotina da Polícia Militar transformou-se em perseguição - e agora também em um resgate - nos subterrâneos do centro da cidade. Isso porque o suspeito, ao tentar escapar dos policiais, entrou no duto do Córrego Maracaju, que está canalizado sob a rua de mesmo nome desde a década de 1970.

A perseguição teve início às 9h desta sexta-feira (01) e, no momento, dois bombeiros militares estão a procura do suspeito dentro da tubulação. Por causa da operação complexa, os militares usam balões de oxigênio para viabilizar a respiração, e ainda solicitaram à Águas Guariroba o controle da vazão do córrego. Ainda não há notícias do suspeito, que estava ferido no pé quando entrou no córrego. 

A operação policial é a quinta ação em menos de um mês para prevenir a ocorrência de crimes na região central da cidade e no Bairro Amambaí. O edifício da antiga rodoviária transformou-se em um reduto para moradores de rua e usários de droga, como o crack. Quem frequenta a região central, não hesita em chamar o local de cracolândia de Campo Grande. 

Participam da perseguição, que agora também transformou-se em uma operação de resgate, além do Corpo de Bombeiros, a Polícia Militar e a Guarda Municipal. Bombeiros e policiais monitoram as saídas das galerias, no início da Rua Maracaju e na região do Jardim dos Estados, nas Ruas 25 de Dezembro e Mato Grosso. 
O Córrego Maracaju foi o primeiro curso d’água da região urbana a ser canalizado. A obra foi entregue em 1974. Trata-se do único córrego totalmente subterrâneo de Campo Grande.

Felpuda


Mensagens trocadas por aí mostram que deverá “virar moda” políticos anunciarem que testaram positivo para a Covid-19. E sem medo de dizer que isso é porque o presidente Jair Bolsonaro anunciou ter sido infectado, e aí essa tchurminha estaria interessada também em ganhar holofotes. Porém, ressaltam que, como não se pode duvidar de coisa séria, o jeito é desejar “restabelecimento”. E não deixam de lembrar que o risco é a população descobrir que não fazem a menor falta. Essa gente...