Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Assine a Newsletter

QUASE 50 TONELADAS

Apreensão de cocaína pela Receita bate recorde em 2019

Volume supera em 50% o registrado em todo o ano passado

15 NOV 19 - 14h:29AGÊNCIA BRASIL

As apreensões de cocaína pela Receita Federal bateram recorde neste ano e somaram 47,1 toneladas de janeiro a outubro. O resultado supera em quase 50% as 31,5 toneladas apreendidas em todo o ano de 2018.

O porto que mais registrou apreensões neste ano foi o de Santos (SP), com 18,9 toneladas. Em seguida vêm os portos de Paranaguá (PR), com 13,5 toneladas; de Natal, com 4,4 toneladas, e de Itajaí (SC), com 3,7 toneladas. Segundo a Receita, a maior parte da droga foi identificada em cargas que seriam exportadas para a Europa e a África.

De acordo com a Subsecretaria de Administração Aduaneira da Receita Federal, o aumento no volume recolhido decorre do aperfeiçoamento das técnicas de controle aduaneiro, com o uso intensivo de gestão de riscos, em que os agentes priorizam a fiscalização em cargas com mais risco de apreensões. A alta também se deve às ações de inteligência, quando o Fisco consegue identificar o transporte da droga com antecedência, e à integração com outros órgãos, como a Polícia Federal.

A Receita também aponta, como fatores que elevaram as apreensões de drogas, os investimentos em tecnologia, a capacitação dos servidores, a utilização de scanners e de cães farejadores e o próprio aumento das operações de fiscalização nas alfândegas.

Nos últimos quatro anos, a apreensão de cocaína registrou uma elevação considerável. O volume subiu de 2,5 toneladas em 2015, para 15,2 toneladas em 2016, 18,1 toneladas em 2017 e 31,5 toneladas no ano passado.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

STJ deve decidir destino de Jamil Name nesta semana
MILÍCIA ARMADA

STJ deve decidir destino de Jamil Name nesta semana

Adolescente é executado com 10 tiros em possível acerto de contas
RUA DA DIVISÃO

Adolescente é executado com 10 tiros em possível acerto de contas

Bolsonaro volta a defender indulto natalino a policiais
BRASÍLIA

Bolsonaro volta a defender indulto natalino a policiais

Mulher é encontrada morta em assentamento no interior de MS
NOVA ANDRADINA

Mulher é encontrada morta em assentamento no interior de MS

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião