15,8% das sessões de Câmara e Senado são destinadas a homenagens

15,8% das sessões de Câmara e Senado são destinadas a homenagens
14/12/2008 09:33 -


     

Da Redação

 

Em 15,8% das sessões realizadas na Câmara dos Deputados e no Senado desde o início do ano até o fim de novembro, não foram votados projetos de lei nem discutidas propostas que tramitam na Casa.

 

Nessas sessões, o tema da pauta foram aniversários de cidades, entidades e empresas, comemorações de datas, como o Dia do Trabalho, e de profissões, como o Dia do Administrador e o Dia do Radialista.

 

O número de pedidos para homenagens é ainda maior. Na Câmara, foram apresentados 209 requerimentos este ano, mas apenas 54 se transformaram em sessões. Os requerimentos passam pela análise da presidência da Casa.

 

No Senado, onde houve 29 sessões especiais (para homenagens), os requerimentos são aprovados por votação simbólica.

 

Com informações do Portal G1

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".