Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

Abertas inscrições para curso de educação fiscal à distância

Abertas inscrições para curso de educação fiscal à distância
28/07/2010 05:30 -


     

A Secretaria de Estado de Fazenda está com as inscrições abertas para o 9º Curso de Disseminadores de Educação Fiscal a Distância. O curso faz parte do Programa Estadual de Educação Fiscal, realizado em parceria com a Secretaria de Estado de Educação e Escola de Administração Fazendária (Esaf).

As inscrições vão até o dia 6 de agosto. Estão disponíveis 400 vagas para todo o estado. Os candidatos serão selecionados de acordo com recebimento das fichas de inscrição via e-mail, através do endereço eletrônico educacaofiscal@fazenda.ms.gov.br.

O conteúdo programático está estruturado em quatro módulos, subdivididos em: Educação Fiscal no contexto social, Estado e Sociedade, Sistema Tributário Brasileiro e Gestão Democrática dos Recursos Públicos.

O curso será desenvolvido na modalidade educação a distância, via internet, e realizado por intermédio do Centro Virtual de Treinamento da Esaf/DF.

Receberá o certificado o aluno que obtiver no mínimo 70% do aproveitamento geral e realizar todas as atividades propostas nos quatro módulos. O certificado será de 160 horas e o aluno deverá elaborar um projeto para aplicação dos conteúdos.

Os pré-requisitos para inscrição são: ser professor de escola pública, servidores públicos, universitários e sociedade civil organizada, ter disponibilidade para participação no curso, possuir endereço eletrônico e ter acesso à internet. Outras informações no fone (67) 3316-7530 das 7h30 às 13h30.

Felpuda


Considerados “traíras” por terem abandonado o barco diante dos indícios da chegada da borrasca à antiga liderança, alguns pré-candidatos terão de se esforçar para escapar da, digamos assim, vingança, velha conhecida da dita figurinha. Dizem por aí que há promessas nesse sentido, para que os resultados dos “vira-casacas” nas urnas sejam pífios. Sabe aquela velha máxima: “Pisa. Mas, quando eu levantar, corre!” Pois é...