sexta, 20 de julho de 2018

JUSTIÇA

Zeola será levado a júri popular no próximo ano

6 DEZ 2010Por NADYENKA CASTRO14h:11

Durou quase três horas o julgamento de Carlos Alberto Zeola, assassino confesso do sobrinho Cláudio Alexander Zeola em crime ocorrido em março do ano passado. Na ocasião, o juiz Carlos Alberto Garcete, da 1ª Vara do Tribunal do Júri, pronunciou o ex-procurador, o que na prática quer dizer que ele vai a Juri Popular. Ainda sem data marcada, a previsão é que o julgamento seja realizado em fevereiro ou março do ano que vem.

Antes da decisão, o magistrado analisou laudos médicos, estudou as peças processuais, ouviu pessoas que viram o ex-procurador atirar no sobrinho, interrogou testemunhas de defesa - familiares que falaram sobre o comportamento de Zeola e de Cláudio -, e também o próprio réu.

A imprensa não teve acesso à sala de audiência, como das utras vezes. Isso, segundo o juiz, por conta de recomendações médicas.

A audiência teve início às 8h30min e chegou ao fim às 11h30min, quando Zeola foi reconduzido até a Clínica Carandá, onde cumpre prisão hospitalar.

O advogado Ricardo Trad diz que seu cliente está bastante arrependido pelo crime. De acordo com a defesa, o júri popular já era esperado.
 

Leia Também