Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Webber vence na Hungria e lidera o Mundial de Pilotos

2 AGO 10 - 12h:15
Budapeste, Hungria

O australiano Mark Webber venceu o Grande Prêmio da Hungria, disputado na manhã de ontem. O piloto da Red Bull adotou uma estratégia diferente de seus principais rivais em um momento crucial da corrida e alcançou o resultado que o levou à liderança do Mundial.
Diferente dos concorrentes, Webber não aproveitou a entrada do safety car (carro de segurança) na 15ª volta para visitar os boxes. Ele abriu uma vantagem segura, se manteve na pista com o primeiro jogo de pneus até o 44º giro e voltou para seguir na ponta até a linha de chegada.
Assim, o australiano assume a liderança do Mundial com 161 pontos. O inglês Lewis Hamilton, da McLaren, segue no segundo posto com os mesmos 157 pontos, já que teve problemas técnicos e deixou a prova. O alemão Sebastian Vettel, da Red Bull, terceiro ontem, ocupa a mesma posição do campeonato com 151 pontos.
Prestes a completar 34 anos, Webber está na Fórmula 1 desde 2002. Ele acumula um total de 153 corridas, 16 pódios e seis vitórias, quatro nesta temporada (é o piloto que mais venceu em 2010). O espanhol Fernando Alonso, da Ferrari, foi o segundo colocado na Hungria e acompanhou a dupla da Red Bull no pódio.
Entre os demais brasileiros na prova, o ferrarista Felipe Massa não teve muito brilho na corrida e terminou na quarta colocação. Rubens Barrichello, da Williams, chegou a ser o quinto, mas terminou em 10º, após parar para trocar pneus. Pela segunda vez consecutiva, Bruno Senna, da Hispania, completou uma prova, e foi o 17º. Já Lucas di Grassi, da Virgin, terminou uma corrida depois de dois abandonos e ficou em 18º.
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Ministro diz que campanha pela Amazônia é "ataque internacional"
EM CAMPO GRANDE

Ministro diz que campanha pela Amazônia é "ataque internacional"

Após cassação, Miranda terá nova eleição para prefeito em outubro
ELEIÇÃO SUPLEMENTAR

Miranda terá nova eleição para prefeito em outubro

Ministro da Saúde anuncia multivacinação para outubro
CAMPANHA

Ministro da Saúde anuncia multivacinação para outubro

Processo seletivo do Senar tem 10 vagas e salário de R$ 6,5 mil
OPORTUNIDADE

Senar abre seleção com 10 vagas e salário de R$ 6,5 mil

Mais Lidas