Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, quarta, 21 de novembro de 2018

Medo

Vítima de furto na Capital, Paulo do Radinho pensa em parar de dançar

12 JUL 2012Por Gabriel Maymone10h:33

“Estou pensando em parar, pedi a Deus que me aponte o caminho que devo seguir”, disse Paulo do Radinho, depois de ter o aparelho de som furtado na noite de ontem (11) na Avenida Afonso Pena, na Capital.

Conhecido por dançar no canteiro central da avenida desde 1996, Paulo diz que está decepcionado. “Esperava atitude diferente, isso é uma falta de respeito, eles sabiam que os objetos não estavam simplesmente abandonados ali”, argumenta.

Segundo Paulo, assim que terminou o jogo da final da Copa do Brasil, por volta das 22h40min, ele deixou os pertences no chão enquanto comia um lanche. “Deixei o som e meu casaco encostados, como sempre faço, e fiquei no ponto de táxi para assistir TV. Quando olhei pra trás, um veículo Uno, azul marinho, parou e dois rapazes pegaram os objetos e fugiram”, relata.

Apesar do sentimento de injustiça, Paulo diz que não vai registrar ocorrência na polícia. “Só quero que as pessoas tenham consciência e respeito pelo próximo”, completa.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também