Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Doença

Vírus da gripe suína circula na Capital, alerta Secretaria de Saúde

16 JUN 12 - 00h:02ANAHI ZURUTUZA

Embora tenham viajado no mês passado, os dois jovens que tiveram a gripe A (H1N1) e morreram esta semana em Campo Grande pegaram a doença na Capital. De acordo com a diretora-substituta de Vigilância em Saúde, Erci Hirota, a Secretaria Municipal de Saúde Pública (Sesau) descartou a possibilidade dos paciente terem contraído a doença em outros estados porque os dois só apresentaram os sintomas muito depois de terem retornado de viagem. Depois de entrar em contato com o vírus causador da gripe suína, a doença leva somente de três a cinco dias para provocar os primeiros sintomas.

André Santos Froes, 27 anos, morreu na esegunda-feira (11) na Santa Casa de Campo Grande, após quase um mês internado. Segundo o que apurou a Sesau para traçar o perfil epidemiológico do rapaz, ele esteve no início de maio em Santa Catarina. Apesar de jovem, Froes era obeso e hipertenso, problemas de saúde que agravaram a situação do rapaz.

Um outro jovem, também de 27 anos, morreu no domingo no Hospital da Unimed. Ele não tinha doenças crônicas, mas não respondeu ao tratamento, segundo Erci Hirota. Ele informou à Sesau que no início de maio esteve no Paraguai.

Leia mais no jornal Correio do Estado.
 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

BRASIL

Presidente dos EUA oferece a Bolsonaro ajuda à Amazônia

Rally dos Sertões atrai centenas de pessoas e da start ao aniversário da Capital
120 DE CAMPO GRANDE

Sertões atrai centenas, mesmo com calor e poeira

Tardelli erra pênalti, mas Luan marca e reservas do Grêmio vencem Athlético
BRASILEIRÃO 2019

Tardelli erra pênalti, mas Luan marca e reservas do Grêmio vencem Athlético

BRASIL

'Todos ministros têm ingerência minha', diz Bolsonaro sobre Moro

Mais Lidas