Terça, 20 de Fevereiro de 2018

Violência explode e Paranaíba exige reforço policial

3 AGO 2008Por 19h:15
     

        Rose Rodrigues

        Violência se alastra e autoridades de Paranaíba, há 410 quilômetros de Campo Grande, pedem socorro. Só no último mês, quatro pessoas foram assassinadas, número considerado alto para uma cidade com apenas 60 mil/habitantes. Se não bastassem os homicídios, assaltos e furtos também já fazem parte da rotina. Grande parte dos moradores, incluindo membros da justiça, culpa a ineficiência da polícia civil, aliada ao desenvolvimento industrial, alavancado pelas usinas de álcool, responsáveis pelo aumento considerável na população da cidade.

Leia Também