Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, domingo, 21 de outubro de 2018

Vice de Orcírio deve ser de Dourados, defende Delcídio

1 MAI 2010Por 05h:31
Fábio Dorta, de Dourados

O senador Delcídio do Amaral (PT) defendeu ontem, em Dourados, a indicação de uma liderança do município para ocupar a vaga de vice na chapa do ex-governador José Orcírio dos Santos (PT). Segundo ele, como segundo colégio eleitoral do Estado, Dourados não pode ficar de fora da chapa majoritária.
O senador preferiu não falar em nomes, afirmando que esta decisão deve ser tomada em conjunto com o PT e os partidos que farão parte da aliança para a disputa do Governo do Estado. “Não tenho nenhuma dúvida que Dourados tem de estar representada na nossa chapa majoritária”, afirmou.
Delcídio disse ainda que desde as primeiras discussões em torno de qual seria o vice ideal, onde surgiram, por exemplo, nomes de Campo Grande, ele se colocou contra. “Isso não agrega, eu fui o primeiro a reclamar. Não consigo entender a majoritária sem Dourados”, acrescentou o senador.

Suplente ao Senado
Delcídio revelou ainda manter esperanças de que o PTB fique no arco de alianças do PT, garantindo, assim, a continuidade do empresário e jornalista Antônio João Hugo Rodrigues, como seu suplente. “Eu não tenho nenhum plano ‘B’. O PTB é um partido estratégico, importante e sempre nos acompanhou”, ressaltou.
Lembrando uma frase famosa do ex-apresentador de televisão Abelardo Barbosa, o Chacrinha, Delcídio demonstrou acreditar em uma reviravolta em relação à tendência de o PTB ficar com o PMDB. “Como dizia o Chacrinha, essas coisas só acabam quando terminam. Isso só vai acabar nas convenções. Até lá tem muita coisa pela frente”.
O senador também reafirmou que o PT está conversando com outros partidos como o PSB e o PCdoB e que o ex-governador José Orcírio manteve encontros com dirigentes nacionais destes partidos em Brasília. “As conversações estão evoluindo. Tenho certeza que vamos formar uma aliança forte, uma chapa bastante competitiva”, finalizou Delcídio.

Eleições de 2014
Além de falar sobre as alianças para as eleições deste ano, Delcídio do Amaral voltou a deixar claro que está de olho na disputa seguinte, em 2014, quando pretende concorrer novamente ao Governo do Estado. Ele já disputou o cargo em 2006, mas ficou em segundo lugar, na eleição vencida por André Puccinelli.
O senador afirmou que está se preparando para ser governador. “Deus vai me dar a honra de ser governador do meu Estado. Sou sul-mato-grossense, nascido em Corumbá e tenho um projeto claro em relação às eleições de 2014. Eu vou disputar o governo”, finalizou.
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também