Domingo, 25 de Fevereiro de 2018

ALCINÓPOLIS

Vereadora preside sessão com colete à prova de balas

30 NOV 2010Por bruno grubertt00h:00

A presidente da Câmara de Vereadores de Alcinópolis, Isabel de Souza Silveira, presidiu a sessão de ontem usando colete à prova de balas. A medida foi tomada por orientação da polícia, depois que a vereadora foi perseguida durante viagem que fez com o marido a Goiás. O fato ocorreu um mês depois de o ex-presidente da Câmara de Alcinópolis, Carlos Carneiro, ter sido assassinado na Capital. A suspeita é que o crime tenha motivações políticas.

Isabel, que é da mesma coligação de Carneiro, assumiu a presidência da Câmara após a morte dele. De acordo com a vereadora, ela viajou com o marido ao município de Mineiros (GO), onde estava quando percebeu que seu veículo estava sendo seguido por outro carro. “Fomos seguidos por mais de 40 minutos. Procuramos a polícia, mas não encontramos, então seguimos para Costa Rica”, disse Isabel.

Segundo ela, policiais ambientais que faziam barreira próximo a Costa Rica a conduziram para a delegacia, onde um boletim de ocorrência foi registrado.

Ontem à tarde, ela foi até a delegacia de Alcinópolis, onde prestou depoimento sobre o caso. O delegado Camilo Kettenhuber Cavalheiro disse que os dados do depoimento seriam repassados para a Secretaria de Justiça e Segurança Pública, para que fosse avaliado o pedido de escolta policial para a vereadora. Isabel acredita que a perseguição sofrida em Goiás possa ter relação com o crime que resultou na morte do vereador Carlos Carneiro. “Nós não éramos só colegas de trabalho, éramos amigos. Eu tinha uma ótima relação com ele”, disse. “Nós, os vereadores da oposição, estamos chocados, não sabemos de nada”, completou.

Leia Também