Campo Grande - MS, sexta, 17 de agosto de 2018

Chapadão do Sul

Vereador é afastado por campanha

28 ABR 2011Por MPE13h:04

O Ministério Público Estadual obteve nesta segunda-feira (25/04), decisão favorável ao pedido de execução de sentença de decisão eleitoral em face dos nove vereadores do município de Chapadão do Sul que fizeram publicidade eleitoral em 2007, em período proibido pela justiça, utilizando ainda dinheiro público. A medida foi ingressada pelo Promotor de Justiça Eleitoral Marcus Vinicius Tieppo Rodrigues.

Em 2007 o MPE manifestou junto à justiça eleitoral do município que Elio Balen, Clarice Gonçalves Fabiani, Homero Jandrey Locatelli, Honório Rodolpho Hatge, Idalino Alves da Silva, Ari Miguel Petteman, Suraya Helena da Veiga Said, João Valmir Tontini e Eduardo Belotti, que ocupavam os cargos de vereadores, estavam fazendo autopromoção em jornais da cidade com dinheiro da Câmara Municipal.

À época os vereadores tiveram seus cargos cassados, mas recorreram da decisão junto ao Tribunal Regional Eleitoral e ao Tribunal Superior Eleitoral. Os tribunais mantiveram a decisão inicial da justiça da Comarca de Chapadão do Sul.

Dos nove vereadores, apenas Eduardo Belotti, conseguiu se reeleger, e para continuar no cargo entrou com vários recursos. Mesmo com Recurso Extraordinário tramitando, o vereador foi afastado pela decisão proferida pela Juíza Eleitoral Luciane de Oliveira. Além do afastamento de Eduardo Belotti juntamente com os oito ex-vereadores foi condenado ao pagamento de multa.

Leia Também