quarta, 18 de julho de 2018

Vereador Clemêncio Ribeiro pode ser cassado e a vaga deve ficar para Maria Emília Sulzer

13 JUN 2009Por 08h:00
     

                 

                 

                A ex-vereadora Maria Emília Sulzer (PMDB), que não conseguiu se reeleger em 2008, pode voltar à Câmara de Municipal de Campo Grande caso o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) decida pela cassação do mandato do vereador Clemêncio Frutuoso Ribeiro (PMDB). A Procuradoria Regional Eleitoral (PRE) emitiu parecer favorável à desconstituição do mandato eletivo e declaração de inelegibilidade do vereador que é acusado de vincular seu nome e imagem à Associação dos Ciclistas Amadores de Mato Grosso do Sul para promover sua candidatura à reeleição. Com 5.890 votos, Maria Emília é a primeira suplente da coligação, PMDB, PRB, PR e PDT, através da qual Ribeiro conseguiu se reeleger com 6.150 votos.

Leia Também