Segunda, 19 de Fevereiro de 2018

PESQUISA

Vendas no comércio da Capital permanecem altas em fevereiro

3 MAR 2011Por DA ASSESSORIA17h:50

Considerando as variáveis positivas da economia brasileira, especialmente a expectativa de crescimento do PIB na casa de 4,5% em 2011, o comércio varejista de Campo Grande deverá crescer de 7% a 10% no ano.

Historicamente, as vendas do varejo ficam 2 pontos percentuais acima da evolução do PIB, mas em 2011 a expectativa é que o incremento nos negócios supere essa média, com pelo menos 3 pontos percentuais acima do índice apresentado pelo PIB. E essa perspectiva vai se confirmando nos primeiros meses do ano.

O Departamento de Pesquisa e Estatística (Depe) da Associação Comercial e Industrial de Campo Grande (ACICG) divulgou na manhã desta quinta-feira (3) o resultado das vendas do setor em fevereiro, apontando crescimento de 9,14% em relação a fevereiro de 2010. Esse índice considera as vendas a vista e a prazo durante o mês.

“O comércio varejista de Campo Grande está aproveitando o bom momento da economia para vender mais e crescer com sustentabilidade. A expectativa que temos para o resultado financeiro do ano corrente está se concretizando e esperamos que permaneça assim pelos próximos meses”, comemora Luiz Fernando Buainain, presidente da ACICG.

INADIMPLÊNCIA

O mês de fevereiro apresentou um grande movimento no banco de dados de inadimplentes do Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC) por conta das inclusões realizadas por empresa concessionário de serviços públicos. Foram 1.190 inclusões, num total de 5.287.

Esse movimento inesperado fez com que o índice de inadimplência do mês apresentasse crescimento de 1,42% em relação a mesmo período de 2010. No entanto, mesmo com esse volume de inclusões da concessionária de serviços, a inadimplência está controlada em 2011.

Leia Também