Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

R$ 16 MILHÕES

Vendas de porteiro virtual sem fio rendem

2 JAN 14 - 00h:00FOLHAPRESS

Uma câmera que envia por um aplicativo para celular imagens de quem toca a campainha de casa, e que permite que o dono da residência se comunique com o visitante como se estivesse usando o interfone. Esse é o DoorBot, um porteiro virtual sem fio. Jamie Siminoff, que idealizou o produto, e uma equipe de mais três pessoas, levantaram mais de

US$ 250 mil (aproximadamente R$ 592 mil) pelo site de financiamento coletivo Christie Street no ano passado para levar a ideia para frente, e estão a caminho de vender US$ 7 milhões (aproximadamente R$ 16 milhões) este ano. Siminoff disse ao site da revista "Fast Company" que, além de aumento de capital, o processo de financiamento coletivo serviu para aperfeiçoar a invenção, desafiando a equipe para torná-la tudo o que seus clientes precisavam que ela fosse

"Recebemos um feedback imediato de clientes engajados antes de o produto chegar às prateleiras", explicou. O produto, vendido em mais de 60 países, custa US$ 199 (aproximadamente R$ 470), e também pode ser integrado com uma entrada de alarme.
O aparelho tem visualização noturna e o aplicativo funciona para os sistemas iOS e Android. 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Argentina, Chile, Uruguai e Paraguai terão candidatura unificada para Copa
2030

Países terão candidatura unificada para Copa

Frango assado caprese é fácil de fazer e fica uma delícia
JANTAR

Frango assado caprese é fácil de fazer e fica uma delícia

OAB vai entrar com ação para impedir obra da Sanesul às margens de rio
AUDIÊNCIA PÚBLICA

OAB vai entrar com ação para impedir obra da Sanesul às margens de rio

Juiz da infância de Dourados é promovido a desembargador do TJMS
PROMOÇÃO

Juiz da infância de Dourados é promovido a desembargador

Mais Lidas