sábado, 21 de julho de 2018

Israel Lucero

Vencedor do Ídolos lança CD

18 DEZ 2010Por OSCAR ROCHA00h:30

Aos 17 anos, o gaúcho Israel Lucero é a aposta do mercado fonográfico para 2011. Vencedor do programa “Ídolos” (Rede Record) deste ano, consegue unir talento e, por incrível que pareça, experiência. Mesmo com a pouca idade, cantou em festivais e eventos especiais no Rio Grande do Sul e Santa Catarina desde a infância. “Não venho de uma família de músicos. Por enquanto,  sou o único artista da família”, explica, por telefone, de São Paulo, onde está morando com os pais. “Minha rotina mudou muito desde que ganhei o programa, em setembro. Minha mãe fala que não esperava tão rápido o reconhecimento do meu talento. Achava que eu obteria isso somente com 20 e poucos anos”.

Para ele, a vitória foi uma surpresa. “Dentro do programa, a gente não tinha a noção do que estava acontecendo fora. Não sabíamos do reconhecimento do público”. A vitória o levou ao primeiro CD, que foi feito em uma semana. O  álbum reafirma sua paixão pelo sertanejo. São 14 faixas, produzidas pelo músico Marco Camargo, que foi um dos júris do programa. “Foram poucos dias para gravar, mas tivemos muitas opções de músicas para escolher. As escolhas foram feitas pelo produtor, o pessoal da gravadora e por mim. Acho que as músicas que estão no CD são ótimas”.  

Fã de Zezé Di Camargo e Luciano, conta que já encontrou a dupla, inclusive dividindo o palco numa apresentação. “Fui para o Rio de Janeiro, no início da nova excursão deles. Cantamos uma música juntos, foi emocionante para mim”. Com o lançamento do CD, Israel inicia série de shows pelo País acompanhado de banda. Para o próximo ano, a intenção é gravar o primeiro DVD. Na empreitada, ele quer contar com a participação dos irmãos Erick e Roger Medeiros Batista, que moram em Campo Grande atualmente. “A gente conhece o Israel do período em que participava de festivais na cidade de São Borja e chamava o Erick e o Roger para tocar violão para ele”, lembra Iberê Medeiros Batista, pai dos violonistas. “Quero que eles toquem numa música comigo, lembrando as nossas antigas parcerias. Hoje mesmo falei com os irmãos comentando essa futura gravação”, enfatiza o novo ídolo. Erick e Roger atuam no trio Alma Riograndense, que participou do Festival América do Sul (Corumbá), Festival da Guavira (Bonito), entre outros.

Leia Também