Quarta, 21 de Fevereiro de 2018

Velório de ídolo argentino reúne 50 mil fãs

6 JAN 2010Por 15h:42
     

        O cantor argentino Sandro, ídolo popular na Argentina, que morreu na segunda-feira (4), está sendo homenageado por milhares de fãs que desfilam desde a véspera ante seu caixão instalado no Congresso Nacional, em Buenos Aires. Cerca de 50 mil pessoas já passaram pelo local. Roberto Sánchez, mais conhecido como Sandro, morreu na noite de segunda-feira, aos 64 anos, em um hospital de Mendoza (1.100 km a oeste de Buenos Aires), onde no dia 20 de novembro passado foi submetido a transplante de pulmão e de coração, informou uma fonte médica.  Conhecido como o Elvis Presley nas décadas de 60 e 70, Sánchez nasceu em um bairro operário da periferia sul de Buenos Aires, em 1945, e iniciou sua carreira de cantor como imitador de Elvis.

        Com informações da Folha Online

Leia Também