domingo, 22 de julho de 2018

Processo Seletivo

Veja os próximos passos para usar o Enem em 2011

27 DEZ 2010Por R700h:00

Usado como substituto do vestibular em dezenas de universidades, o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) tem aumentado vertiginosamente o número de candidatos. Neste ano, 4,6 milhões de alunos se inscreveram na prova, e 3,3 milhões fizeram o exame – trata-se do maior processo seletivo universitário do Brasil.

Apesar dos problemas ocorridos neste ano no Enem, com as falhas de impressão do caderno amarelo (que levou à reaplicação) e o erro no cabeçalho das folhas de respostas, o MEC (Ministério da Educação) afirma que o calendário da prova está mantido. Até o dia 15 de janeiro deve ser divulgado o resultado, com as notas individuais dos estudantes.

Veja abaixo os próximos passos do Enem e fique atento às novas informações e editais, que devem ser divulgados pelo ministério e no Diário Oficial da União:

Gabarito da prova reaplicada
O gabarito das provas de ciências humanas e ciências da natureza, que foram reaplicadas em 15 de dezembro para alunos prejudicados, saiu no último dia 21.

No mesmo dia saíram as respostas do Enem realizado por detentos e jovens em instituições socioeducativas, como a Fundação Casa (antiga Febem). A divulgação também aconteceu na página do Enem na internet, no mesmo endereço onde vai ser liberado o desempenho individual de todos os candidatos, até a primeira quinzena de janeiro.

ProUni
Segundo o MEC, o edital do ProUni (Programa Universidade para Todos) vai ser lançado após a divulgação da nota do Enem, até o dia 30 de janeiro. Não haverá alterações no processo de seleção, que será baseado no último programa realizado para as bolsas, no meio do ano.

A nota média do Enem necessária para concorrer às bolsas de estudos deve continuar a mesma - 400 pontos nas áreas avaliadas (ciências humanas, ciências da natureza, matemática e linguagens).O candidato deve ainda comprovar ser de baixa renda e cumprir outras exigências socioeconômicas, informa o ministério.

Sisu
Serão oferecidas mais de 80 mil vagas de ensino superior em 83 instituições federais, das quais 39 são universidades e 38 são do tipo IFEs (Institutos Federais de Educação). As vagas serão oferecidas via Sisu (Sistema de Seleção Unificada) - o site estará aberto apenas na segunda quinzena de janeiro, até o dia 31.

O edital do Sisu, assim como o do ProUni, só sai após a divulgação da nota do Enem para todos os candidatos.

Certificado do ensino médio
Candidatos podem usar ainda o Enem para obter um certificado de finalização do ensino médio. O estudante precisa ter 18 anos completos e obtido a nota mínima de 400 pontos em todas as áreas avaliadas - também é preciso ter o mínimo de 500 na redação.
O candidato precisa informar a Secretaria da Educação de seu município ou Estado de que está tentando obter o certificado, ou um dos IFEs (Institutos Federais de Educação). A escolha de um dos IFEs não está ligada ao endereço residencial do candidato. 

Mais informações sobre o Enem e as outras formas de uso que o processo seletivo permite podem ser obtidas na página do exame na internet.

Leia Também