Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

SEGUNDA FASE

Veja como ficaram as oitavas de final da Libertadores

Veja como ficaram as oitavas de final da Libertadores
22/04/2011 01:00 - jptl


A partir da próxima semana, os cinco clubes brasileiros classificados para as oitavas de final da Copa Libertadores da América já começarão a disputa da segunda fase.

Por enquanto, a Confederação Sul-Americana de Futebol ainda não definiu os dias e horários, mas todos os confrontos que valem vaga para as quartas de final já foram definidos na noite de quarta-feira (20), que teve classificação histórica do Fluminense e também o Santos avançando.

O time das Laranjeiras, que ontem bateu o Argentinos Juniors por 4 a 2, vai encarar o Libertad, do Paraguai, jogando a primeira em casa.

O Santos, que ontem venceu o Táchira, vai enfrentar o América, do México, também como mandante da primeira partida. O Grêmio, que assim como o Peixe e o Flu se classificou em segundo de sua chave, vai enfrentar o Universidad Católica, do Chile. A primeira partida será em Porto Alegre.

O Internacional enfrenta o Peñarol, do Uruguai, enquanto o Cruzeiro pega o Once Caldas, da Colômbia. Os dois brasileiros decidem em casa.

Veja todos confrontos

Cruzeiro-BRA x Once Caldas-PAR- Jogo 1
Libertad-PAR x Fluminense-BRA – Jogo 2
Internacional-BRA x Peñarol-URU – Jogo 3
Junior Barranquilla-COL x Jaguares-MEX – Jogo 4
Cerro Porteño-PAR x Estudiantes-ARG – Jogo 5
Universidad Católica-CHI x Grêmio-BRA – Jogo 6
LDU-EQU x Velez Sarsfield-ARG – Jogo 7
América-MEX x Santos-BRA – Jogo 8

Veja as fases finais

Nas quartas de final, o vencedor do Jogo 1 encara o vencedor do Jogo 8. Quem passar do jogo 2 encara o vencedor do jogo 7. O vencedor do jogo 3 encara quem passar do jogo 6. E, para finalizar, se enfrentam os vencedores dos jogos 4 e 5.

Assim, o Cruzeiro pode enfrentar o Santos em uma quartas de final, enquanto Grêmio e Internacional podem fazer outro duelo nacional na próxima fase.

Felpuda


Acontecimentos policiais de grande repercussão deverão refletir seriamente na jornada de uns e de outros. Os cortes nos “tentáculos do polvo” os deixaram sem respaldo para enfrentar a maratona que há tempos participam, e com sucesso. Ao mesmo tempo que ficaram sem o aconchego financeiro, afastaram-se do abraço, até então muito amigo, preocupados com o ditado popular que afirma:  “Diga-me com quem andas e eu te direi quem és”.