Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Assine a Newsletter

Vaticano proíbe universidade peruana de se chamar 'Pontifícia'

21 JUL 12 - 23h:00Band

O Vaticano indicou neste sábado que havia proibido o uso dos títulos "Pontifícia" e "Católica" à Pontifícia Universidade Católica do Peru (PUCP), berço da Teologia da Libertação. Fundada em 1917 por um padre francês e por um grupo de laicos, a PUCP, na qual o sacerdote Gustavo Gutiérrez abraçou a Teologia da Libertação na década de 1960, conta com 22 mil alunos.

Em um comunicado, o Vaticano indicou ter solicitado a esta universidade em diversas oportunidades desde 1990 a modificação de seus estatutos, o que não aconteceu, lamentou a Santa Sé, que considera ter sido "forçada" a tomar esta decisão.

Em maio, a PUCP havia enviado uma carta ao secretário de Estado do Vaticano na qual recusava deixar o polêmico cardeal peruano Juan Luis Cipriani como interlocutor da Igreja no litígio.

A PUCP e o Vaticano travam desde 2007 uma disputa devido aos temores do reitor Marcial Rubio de que o cardeal Juan Luis Cipriani, figura da Opus Dei na América, ponha fim à imagem plural da universidade, versão que o prelado nega.

A PUCP considerou que a reforma do estatuto significaria aceitar, entre outros pontos, "reformar a eleição do reitor, (o que) é incompatível com a lei peruana porque afetaria a autonomia universitária".

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Regina Duarte chega a Brasília e diz que decisão sobre cargo não sai nesta quarta
SECRETARIA DE CULTURA

Regina Duarte chega a Brasília e diz que decisão sobre cargo não sai nesta quarta

Justiça bloqueia R$ 45,1 milhões de empresas e suspende contrato com governo
SISTEMA DA POLÍCIA

Justiça bloqueia R$ 45,1 milhões de empresas
e suspende contrato

Coordenador de fronteiras não crê que fugitivos do Paraguai estejam no Brasil
FUGA EM MASSA

Coordenador de fronteiras não crê que fugitivos estejam no Brasil

Morenão recebe laudos, mas uso no Estadual será confirmado até sexta-feira
FUTEBOL

Morenão recebe laudos, mas uso no Estadual será confirmado até sexta-feira

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião