Segunda, 11 de Dezembro de 2017

POLÍCIA

Usuário de drogas confessa ter matado tio por asfixia

10 FEV 2014Por TARYNE ZOTTINO10h:00

Rafael Araújo Pereira, de 29 anos, foi preso aproximadamente às 2h30min de hoje (10), depois de confessar ter matado o tio, o vendedor de minhocas Ostiano Pires Ferreira, 67, na manhã de ontem (9), em Três Lagoas. Nesta madrugada, a Rádio Patrulha avistou a namorada dele, Nádia Oliveira Soares, 26, e a questionou sobre o paradeiro de Rafael. Inicialmente, a jovem disse que não sabia, mas depois acabou apontando o local. Os policiais encontraram o rapaz escondido em um matagal. Ele e Nádia já eram conhecidos da polícia por serem usuários de drogas.

Ao ser abordado, Rafael admitiu ter assassinado o tio por asfixia e também declarou ter pisoteado o peito da vítima. O corpo do idoso, que apresentava sinais de agressões físicas e chutes pelo tórax, foi encontrado por uma pessoa que chegou ao local para comprar minhocas. No Instituto Médico Odontológico Legal, foi constatado que Ostiano sofreu múltiplas fraturas nas costelas e lesão na cabeça.

O sobrinho era o principal suspeito, pois havia sido visto discutindo com a vítima na manhã do dia do crime. O autor disse que não aguentava mais ser provocado pelo idoso por causa de sua mãe, que também seria usuária de drogas. Rafael também afirmou que ele e a namorada eram mal tratados pelo tio. Além disso, de acordo com o acusado, Ostiano mantinha relações sexuais com Nádia em troca de dinheiro para que ela comprasse entorpecentes. O acusado está preso na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac).

(Com informações da Rádio Caçula) 

Leia Também