Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, quinta, 13 de dezembro de 2018

ALERTA

Umidade relativa do ar entra em 'estado de atenção' no Estado

31 MAI 2011Por DA REDAÇÃO10h:07

De acordo com as informações do Centro de Monitoramento do Tempo, Clima e Recursos Hídricos de Mato Grosso do Sul (Cemtec), nesta terça-feira (31), não chove em grande parte das regiões do Estado. A massa de ar fria permanece com valores baixos na região central, sul e leste, portanto, as manhãs e noites seguem geladas. No período da tarde as temperaturas ficam agradáveis com 30°C, em média.

O Cemtec também informa que, na maioria dos municípios a umidade relativa do ar ficará no “estado de atenção”, entre 20% a 30%. Cassilândia e cidades circunvizinhas ficarão em torno de 40% e Corumbá 45%. Na capital sul-mato-grossense, Campo Grande, manhã e noite com temperaturas de 15°C e no período da tarde o sol brilha forte e a temperatura aumenta, máxima de 30°C. Umidade relativa terá índice entre 25% e 30%.

Sem chuva

Segundo o Cemtec, a chuva em Campo Grande para o mês de Maio (até dia 29) foi de apenas 2,4 milímetros (dados da estação do Aeroporto). O esperado para este mês é de 96,6 milímetros. Já, no mês de Abril, o total acumulado de precipitação em Campo Grande foi de 139,4 milímetros, equivale a 20% a mais que o esperado, que a média histórica.

 

Orientação

A orientação da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil de Mato Grosso do Sul (Cedec/MS) é para que a população evite atividades ao ar livre e exposição ao sol entre as 10 e 17 horas, especialmente até as 4 horas da tarde, período do dia em que a umidade do ar fica mais baixa. Outra orientação é para a ingestão de bastante líquido para não haver problemas de desidratação.

A Cedec lembra ainda que o tempo seco aumenta o risco de incêndios florestais. Com isso a orientação é para não se fazer fogueiras, principalmente nas proximidades de matas e florestas. Além disso, motoristas que trafegam por regiões sujeitas a incêndios devem ter atenção redobrada devido à visibilidade reduzida pela fumaça. Estes motoristas também devem evitar jogar pontas de cigarros para fora dos veículos.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também