Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

SISU

UFMS tem as maiores notas para Medicina, Direito e Engenharia

7 JAN 14 - 15h:30Gabriel Maymone

Os candidatos a uma vaga na Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), Universidade Estadual (UEMS), Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD) e Instituto Federal (IFMS), que oferecem ingresso pelo Sistema de Seleção Unificado (Sisu), já podem consultar as notas de corte para os cursos oferecidos, referente ao primeiro dia de inscrições. A consulta foi liberada na madrugada de hoje (7) no endereço eletrônico http://sisu.mec.gov.br/cursos. A expectativa é que a próxima nota de corte seja divulgada às 2h de quarta-feira (8).

As primeiras parciais das notas de corte dos cursos disponíveis pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu) – para ingresso em curso de ensino superior – mostram que as maiores médias dos cursos de Direito, Engenharia Civil e Medicina (os mais procurados) são da UFMS.

A consulta por vagas no site do Sisu mostra que, para ingresso no curso de Medicina da UFMS, o estudante deve ter tirado ao menos 787,55 no Enem. Já na UFGD, o curso tem nota de corte de 766,50.

Outros três cursos muito procurados também exigem, nesta primeira parcial, nota de corte acima de 700, todos eles na UFMS: Direito (741,87), Engenharia Civil (732,43) e Engenharia Elétrica (700,09).

Para quem deseja ingressar no curso de Direito, estão disponíveis também opções em outros três campus da UEMS. Em Dourados, o curso exige nota de 682,23. Em Paranaíba, a nota de corte é de 636,38 e em Naviraí, 658,63.

O curso de Engenharia Civil também é oferecido na UFGD. A nota de corte da primeira parcial é de 676,96.

Concorrência

Esse resultado é a menor nota para o estudante ter chances de ficar entre os potencialmente selecionados e é calculado uma vez por dia para cada curso. Isso é feito com base no número de vagas disponíveis e no total dos candidatos inscritos naquele curso, por modalidade de concorrência. O sistema não faz o cálculo em tempo real e a nota de corte se modifica de acordo com a nota dos inscritos. Quanto mais concorrido o curso, maior deve ser a nota de corte, que variam ainda conforme a modalidade escolhida – cotista ou livre concorrência.  

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

BRASIL

Fortaleza: Bombeiros buscam sobreviventes em prédio que ruiu; uma pessoa morreu

ECONOMIA

Pan, BMG e Bradesco lideram ranking de reclamações contra bancos do BC

ECONOMIA

Superintendência do Cade decide arquivar inquérito contra bandeiras de cartões

BRASIL

Quadrilha desviava cartões de crédito remetidos pelos Correios

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião