segunda, 23 de julho de 2018

TV Campo Grande comemora 30 anos

11 OUT 2010Por OSCAR ROCHA02h:45



Hoje é um data especial para a família da TV Campo Grande. Há 30 anos a emissora entrava no ar, via Canal 8, em uma tarde chuvosa, no dia 11 de outubro de 1980, um sábado, às 16h – durante alguns meses, em fase experimental, exibiu filmes e desenhos. Na última quinta-feira à noite, uma festa no Armazém Cultural, em Campo Grande, celebrou esta conquista.
Na inaguração, há 30 anos, o então presidente da Rede Centro-Oeste de Rádio e Televisão (Recortel) – que depois se tornaria o Grupo Correio do Estado –, professor José Barbosa Rodrigues, ao lado do governador de Mato Grosso do Sul na época, Marcelo Miranda, e o prefeito Albino Coimbra, falou da alegria de oferecer uma nova possibilidade de entretenimento e informação, ressaltando o compromisso de levar programação de qualidade à população local. Uma das características que se mantêm até hoje. “Este acontecimento que muito significa para o nosso Estado, só foi possível graças ao apoio valiosíssimo de nossa população e refiro-me desde os mais humildes até as mais altas autoridades”, destacou José Barbosa.
A luta do grupo para criar a emissora remontava ao início da década de 70. Segundo o diretor-superintendente da TV Campo Grande nos primeiros anos de funcionamento, José Maria Hugo Rodrigues, já falecido, foram necessários ultrapassar vários obstáculos para tornar realidade a emissora.
Na época da implantação, foram utilizados equipamentos importados originários de vários países. Nos primeiros meses de transmissão a emissora levou ao ar programas como “Minha terra, minha Gente”, apresentado por Ramon Achucarro, destacando a música regional; “Revista feminina”, com Marisa Machado,  programa de variedades; “Jogo Aberto”, debate esportivo; e o ousado “Do Barraco ao barracão”, que apresentava didaticamente repertório clássico, enfatizando compositores brasileiros.

A TV Campo Grande, junto com outras 107 emissoras, integram o Sistema Brasileiro de Televisão

Leia Também