ESPORTES

Tricolor terá time da Libertadores hoje contra o São Caetano

Tricolor terá time da Libertadores hoje contra o São Caetano
03/02/2010 07:51 -


A Copa Libertadores da América só começa na próxima semana para o São Paulo, mas a partida diante do São Caetano, na noite de hoje, já serve como prévia do time de Ricardo Gomes para o torneio continental. Afinal, no duelo do Campeonato Paulista, na Arena Barueri, o Tricolor exibirá sua equipe considerada ideal pelo treinador. Com o fim do rodízio de jogadores, o São Paulo atuará com seus titulares não só hoje, mas também na próxima rodada, contra o Santos. A ideia de Ricardo Gomes é dar ritmo ao time, escalado no 3-5-2, com Renato Silva, Xandão e Miranda na zaga. Nas alas, o Tricolor contará com o sul-mato-grossense Jean. que retorna ao time após ser poupado no jogo contra o Sertãozinho, e Jorge Wagner, enquanto Richarlyson, Hernanes e Marcelinho Paraíba formam o meio campo. Na frente, a responsabilidade fica com Dagoberto e Washington. Do outro lado, o técnico Antônio Carlos Zago já está ciente da ideia do São Paulo de usar o jogo desta quarta como um teste. Por isso, o exzagueiro motiva seu elenco a brecar o ímpeto adversário. “O São Paulo está perto de sua estreia na Libertadores e deve jogar com força máxima. Sinto uma vontade enorme entre os jogadores em vencê-los. É a oportunidade de elevarmos o moral, para que o potencial de cada um seja usado ao máximo no restante do Paulista”, afirmou o treinador. Antônio Carlos tem dúvidas para escalar o Azulão. Adriano e Moradei recuperados de contusão disputam vagas com Romário e Luciano Mandi. A rodada de hoje terá ainda os seguintes jogos: Monte Azul x Ituano, Sertãozinho x Rio Claro, Barueri x Botafogo e Oeste x Paulista.
smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".