domingo, 22 de julho de 2018

Tribunal de Contas condenas ex-diretores da Iagro a devolver R$ 1,3 milhão

11 MAR 2008Por 20h:29
     

A 2ª Câmara do Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso do Sul (TCE-MS), condenou os ex-diretores-presidentes da Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal), José Antônio Felício e João Crisóstomo Mauad Cavallero, a devolver R$ 1.359.400,00. Eles não comprovaram despesas em dois processos de prestações de contas e, ainda, terão que pagar multa de 200 Uferms, que atinge valor de R$ 2.604,00 para cada um recolher aos cofres do TCE.

De acordo com o relatório-voto do conselheiro Augusto Maurício da Cunha e Menezes Wanderley as irregularidades apontadas são referentes a dois convênios: o primeiro, com a Polícia Militar do Estado de Mato Grosso do Sul no valor impugnado de R$ 156.000,00; e o segundo com a Fundação Educacional para Desenvolvimento Rural (Funar), no valor impugnado de 1.203.400,00 referentes ao exercício de 2004. A matéria completa está na edição de amanhã do jornal Correio do Estado.

Leia Também