Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CRIME AMBIENTAL

Três pessoas são presas por pesca predatória

Três pessoas são presas por pesca predatória
12/07/2012 10:38 - VÂNYA SANTOS


Três pessoas foram presas ontem à noite acusadas de pesca predatória no Rio Dourados, em Deodápolis. De acordo com a Polícia Militar Ambiental (PMA) de Dourados, um deles foi surpreendido pescando com fisga, petrecho proibido. Ele recebeu multa de R$ 740 e teve dois quilos de pescado apreendido. Outros dois pescadores paulistas foram autuados porque pescaram peixes fora da medida permitida e também utilizaram a fisga.

A dupla estava num veículo Parati, placas de São Paulo, onde foram encontrados no porta-malas 21 quilos de pescado de diversos exemplares e em tamanho inferior ao permitido pela legislação. O passageiro ainda tentou jogar o petrecho proibido para fora do carro, mas policiais que faziam bloqueio numa estrada próxima ao rio perceberam. Eles foram multados em R$ 1.120.

Os três pescadores foram conduzidos à Delegacia de Deodápolis, onde foram autuados em flagrante por crime de pesca predatória, mas deixaram o local após pagamento de fiança.

Felpuda


Alguns políticos estão se aproveitando deste momento preocupante de pandemia para sugerir projetos oportunistas que, em alguns casos, são de resultados extremamente duvidosos. O mais interessante – para não dizer outra coisa – é que se for analisado o desempenho normal dessas figuras, verifica-se que essa preocupação toda nunca esteve no topo das suas prioridades. Ano eleitoral é assim mesmo. Lamentável!