quarta, 18 de julho de 2018

MINIATURIZAÇÃO

Torres de celular podem desaparecer das cidades

8 FEV 2011Por ESTADÃO01h:02

Um dos problemas que mais preocupam as operadoras de telefonia celular e os responsáveis pela administração das grandes cidades no mundo é a poluição visual e o elevado consumo de energia das chamadas estações radiobase (ERBs) - aquelas antenas de celular instaladas geralmente no topo de prédios.

Esses inconvenientes podem estar com os dias contados, graças à "miniaturização" de componentes e ao avanço dos softwares em telecomunicações sem fio (wireless), que poderão substituir totalmente as ERBs em todo o mundo. A nova tecnologia, denominada LightRadio, foi anunciada ontem pelos diretores da Alcatel-Lucent, em Paris e Londres, como resultado de um trabalho conjunto dos Laboratórios Bell (Bell Labs), dos Estados Unidos, em cooperação com as operadoras de telefonia celular Verizon (Estados Unidos), Orange (França) e China Mobile, que é a maior operadora de celular do mundo, com mais de 400 milhões de usuários.

Todos os equipamentos de uma ERB ficam reduzidos a pequenos módulos com menos de 1 kg, que podem ser fixados no exterior de prédios, postes, residências ou pontes.

A adoção da tecnologia dependerá agora de aprovação de governos, de organismos técnicos, de agências reguladoras de telecomunicações, bem como das operadoras móveis de todo o mundo. O LigthRadio será demonstrado na Conferência Mundial de Mobilidade (Mobile World Conference), na próxima semana, em Barcelona.
 

Leia Também